Em decisão inédita, a Justiça do Trabalho considera discriminatória a dispensa e determina a reintegração de professora trans, demitida após assumir a mudança de gênero.

1
Olá! Como podemos ajudar você?
Powered by